segunda-feira, 30 de maio de 2016

Com a luz do Sol

Falta apenas uns pontinhos para terminar, mas tenho que parar! 
                Já não tenho luminosidade suficiente para ver onde deve passar a agulha.
      A tarde vai terminando e vou procurando a janela,  atrás da luminosidade do sol, que continua em direção ao mar para se esconder de nós e ir alumiar outras paragens e outras gentes. Ir atrás dele e da sua luz só a minha mente consegue!
Assim terminar esta peça só  mesmo amanhã.
Até chegar  a esta fase,
 foram necessárias todas estas:

 Não consegui acompanhar o sol, mas amanhã com o novo dia  ele vai regressar  cheio de luz, brilhante e quente. Ele sabe que estarei próxima da janela  para dar os últimos pontos de agulha e dedal.
Uma boa noite.

Ana Cristina